terça-feira, 3 de março de 2015

A Floresta Parte 1/2

Lucas era um estudante muito jovem que havia mudado há apenas dois meses para uma nova cidade, verde, chuvosa, e que dava um impressão deprimente de esquecimento, mas isso era um consolo para ele, em sua antiga e ensolarada morada perdeu horrivelmente ambos sua madrasta e seu irmão mais velho num assalto, Lucas nunca foi sociável, e era sensível, mudando de humor quase sempre, não era tão ligado a sua madrasta porque a mesma apesar de se esforçar não disfarçava que o achava estranho, porem a perda de seu irmão mais velho o traumatizou muito e o deixou em um estado psicológico muito debilitado. Desde que tudo aconteceu seu pai que sempre foi super protetor com ele, acabou ficando ainda mais.

Um garoto inteligente e criativo, Lucas gostava de estudar, e a muito tempo queria sair daquela cidade sem graça, nas horas vagas gostava de aproveitar a natureza de seu jeito. Seus últimos dias foram relatados num diário, cujo o qual foram perdidas muitas folhas.

Dia 1:

Tem dois meses que mudei para essa cidade, eu não costumo escrever em diários mais vou começar a fazer isso agora, acho que vai ser relaxante, mesmo essa dor sem fim não me fez deixar de notar como esse lugar me agrada, meu pai só mudou pra cá por minha causa, a escola é legal também, não falei com ninguém, como já esperava, mas uns garotos mexeram comigo. Não gostei nada disso. A monitora chamou a atenção deles. Como se isso fosse adiantar. Mas ignorei, e ao chegar em casa vi um recado do meu pai na secretária eletrônica dizendo que tinha que organizar algumas coisas então chegaria tarde em casa nos próximos dias, disse para eu não sair e trancar tudo, já que ele não havia achado ninguém para cuidar de mim enquanto ele estava fora, eu comi umas maçãs e sai, fui andar na floresta. Desde que cheguei senti 'algo' naquela floresta, exatamente por isso que gostei dela. Lá não tem pessoas me incomodando, só tem o silêncio, fiquei lá até as primeiras estrelas aparecerem e fui pra casa, fiz tarefas, tomei banho e agora vou dormir.

As páginas 2 e 3 falavam sobre a floresta e algo sobre ódio pelos garotos que o atormentavam. Então não foi possível descobrir nada de concreto nas duas.

Continua...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...