terça-feira, 25 de junho de 2013

Creepypasta: O Banheiro


Kelly estava no banho lavando seu cabelo. Ela estava em casa só pela primeira vez, e tendo apenas 12 anos, pensou que seria legal tomar banho com as portas do banheiro abertas.

De repente Kelly sentiu frio. Ela espiou pela cortina do banheiro. Ela viu a janela do banheiro aberta. "Pensei que havia fechado aquela janela." pensou ela alto. Ela ignorou e continuou seu banho. Alguns minutos depois Kelly ouviu as portas do banheiro fecharem bruscamente.

Ela logo abriu as cortinas do chuveiro. "Olá?" disse ela. Nenhuma resposta. "Alguém ai?". Nenhuma resposta de novo. "Espere, a janela!" ela disse pra si mesma, " a janela está aberta, quando o vento costuma fechar ela.".

Mesmo insegura, continuou seu banho. Pensou que se talvez cantasse, se sentiria melhor. Kelly começou a cantar, mas não por muito tempo. As portas começaram a abrirem. Depois fecharam. Depois fizeram a mesma coisa só que mais rápido. Ela começou a chorar e saiu do chuveiro. As portas batiam furiosamente.

"O que está acontecendo?" Kelly perguntou, quando então uma voz monstruosa encheu o banheiro. "Vamos Kelly, saia do banheiro." Uma risada histérica novamente encheu o banheiro. Kelly gritou " Saia por favor, não quero morrer!" A voz respondeu " Kelly sua tola, é apenas uma porta, você está assustada? Kelly olhou para as portas e só então percebeu que elas já não estavam batendo mais. Ela correu para a porta e agarrou a maçaneta. Kelly gritou de dor. A maçaneta parecia ácido. A risada que ela ouvira a minutos atrás estava de volta, mais alta. "Você é mesmo inocente!". Kelly soluçou "Me deixe sair por favor." "Ache seu caminho!" gritou a voz.

Kelly olhou em volta e viu a janela ainda aberta. Sem pensar muito, ela correu para a janela e se atirou para fora, mergulhando no duro e frio chão. No dia seguinte, todos que saíram encontraram uma garota morta enrolada numa toalha molhada.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...